Categorias: Notícias Enem

Inscrições Ciência sem Fronteiras

Ciência sem Fronteiras abre inscrições para mais de 13 mil vagas em nove países

Inscrições Ciência sem Fronteiras – Os estudantes interessados devem estar cursando a graduação e podem pleitear uma vaga na Alemanha, na Austrália, no Canadá, na Coréia do Sul, nos Estados Unidos, na Finlândia, na Hungria, no Japão ou no Reino Unido

O Programa Ciência sem Fronteiras (CsF) abriu na terça-feira (04/05/2013), o período para inscrições na modalidade graduação. No total, são 13.480 vagas abertas para 18 áreas do conhecimento científico e tecnológico em nove países da Europa, Ásia e América do Norte. Os interessados podem efetuar sua inscrição até julho de 2013, sendo que a data final depende do país de destino escolhido. O candidato deverá escolher o país de destino, que terá um parceiro definido para cuidar de sua devida inserção no exterior.

Os países envolvidos nas chamadas são:

  • Alemanha (com 2.000 vagas previstas)
  • Austrália (2.250 vagas previstas)
  • Canadá (2.188 vagas previstas)
  • Coréia do Sul (292 vagas previstas)
  • Estados Unidos (2.000 vagas previstas)
  • Finlândia (300 vagas previstas)
  • Hungria (2.300 vagas previstas)
  • Japão (150 vagas previstas)
  • Reino Unido (2.000 vagas previstas)

As bolsas serão concedidas pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI) e pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC). O candidato deverá conferir a qual instituição direcionar-se, de acordo com o país de destino escolhido, no site do programa.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, e o presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Jorge Guimarães, apresentaram no dia 24/05/2013, em Brasília, balanço do programa Ciência Sem Fronteiras. Além de divulgar novas regras para a ação, os representantes estimaram que o programa supere este ano o número de 45 mil bolsas de estudo concedidas.

Critérios

Serão elegíveis os estudantes que tiverem mérito acadêmico – definido por Chamadas internas opcionais de cada Instituições de Educação Superior (IES) e no processo de homologação realizado pelo Coordenador CsF institucional, após as inscrições. Os candidatos devem possuir o nível de proficiência exigido no idioma pelas Chamadas, considerando que o nível exigido trata-se de uma média aceita por grande parte das instituições estrangeiras conveniadas e que o aluno, não necessariamente, terá direito a uma vaga em instituição específica.

Na fase classificatória, somente nos casos em que o número de vagas ofertadas em um determinado curso for menor que a demanda qualificada, só terão direito a vaga os candidatos que alcançaram a média mínima no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 600 pontos, a partir de 2009 e possuírem bom aproveitamento acadêmico.

Serão elegíveis também os alunos participantes dos programas de Iniciação Científica e aqueles premiados em Olimpíadas de Matemática ou Ciências, Feiras Científicas e atividades similares, de mérito reconhecido.

Programa

O Ciência sem Fronteiras já implementou, até hoje, 22.229 bolsas em todas as modalidades Graduação, Doutorado e Pós-doutorado. O programa busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio e da mobilidade internacional. A iniciativa é fruto do esforço conjunto dos Ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Ministério da Educação (MEC), por meio de suas respectivas instituições de fomento, CNPq e Capes.

O projeto prevê a concessão de até 101 mil bolsas em quatro anos para promover intercâmbio, de forma que alunos de graduação e pós-graduação façam estágio no exterior com a finalidade de manter contato com sistemas educacionais competitivos em relação à tecnologia e inovação.

Além disso, busca atrair pesquisadores do exterior que queiram se fixar no Brasil ou estabelecer parcerias com os pesquisadores brasileiros nas áreas prioritárias definidas no programa, bem como criar oportunidade para que pesquisadores de empresas recebam treinamento especializado no exterior.

Redação

Aqui no vocênoenem você encontrará respostas para as dúvidas mais frequentes dos candidatos sobre o ENEM, ficando por dentro de todos os detalhes.

Deixe um comentário
Compartilhar
Publicado por

Posts Recentes

Prazo para envio de foto do Enem foi prorrogado

Após diversas reclamações de problemas para carregar a foto no site do Exame Nacional do… Leia mais

3 dias atrás

Mais de 500 mil inscritos no Enem 2020 são treineiros

Dos mais de 5,7 milhões de inscritos para o Enem, mais de 500 mil são… Leia mais

1 mês atrás

Enem será aplicado em janeiro de 2021

O Exame Nacional do Ensino Médio edição 2020 já tem data marcada para acontecer! A… Leia mais

4 meses atrás

Já escolheu as datas do Enem 2020?

Após o adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio 2020, o Enem, o Inep lançou… Leia mais

4 meses atrás

Enquete Enem 2020: Novas Datas do Enem 2020

Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, já têm disponível as datas… Leia mais

4 meses atrás

Enquete do Enem será entre 20 e 30 de junho

O Inep, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, confirmou a realização da… Leia mais

4 meses atrás