close
Fies

Governo irá abrir um plano de Renegociação para o Fies

Entenda como o Governo irá abrir um plano de Renegociação para o Fies em agosto.

Segundo informações divulgadas pelo Governo nesta segunda-feira, o Financiamento Estudantil possui uma dívida de mais de 10 bilhões e pretende abri um plano de renegociação para o Fies em agosto, junto a Caixa Econômica Federal. De acordo com a divulgação, mais de 450 mil estudantes que já deveriam estarem amortizando o pagamento, estão inadimplentes.

Essas pessoas que deveriam estar em amortização já terminaram os seus cursos e deveriam dar inicio ao pagamento do financiamento. O Governo pretende liberar já em agosto o Programa Especial de Regularização do Fies, e acelerar essa regularização e recuperação de valores. Essa proposta já havia sido apresentada à Frente Parlamenta Mista da Educação, mas estava sendo aguardada a liberação, o que ocorreu com a publicação da Lei.

Segundo nota do secretário-executivo adjunto do MEC, Felipe Sartori Sigollo, divulgada pelo site Terra, “Ninguém quer ficar inadimplente, devendo o curso que foi financiado. A partir de agosto, o CG-Fies fará toda a normatização das regras para que os alunos procurem as agências da Caixa, façam a renegociação e normalizem sua situação junto ao Fies”.

Vagas remanescentes do Fies 2018 Segundo Semestre

Para quem deseja fazer a inscrição e tentar o Financiamento Estudantil, as inscrições para o Segundo Semestre nas vagas remanescentes irão até às 23h e 59 minutos de 26 de junho de 2018.

Para fazer a inscrição, basta acessar o link do Fies, lá o candidato terá acesso ao Boletim de Acompanhamento, Completar a sua inscrição, Consultar vagas e claro, realizar a sua inscrição.

Tags : Fies
Márcia Rabelo

Autor (a) Márcia Rabelo

Graduando em Administração de Empresas pela Universidade Nove de Julho, produtora/editora de textos e artigos para os sites vocênoenem, vocênoencceja, Clube DETRAN e i50, além de gerente de vendas no Grupo Barukar E-commerce.

guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Exibir todos os comentários